24/02/2013

280 - Clarice Lispector


Amanheci em cólera. 
Não, não, o mundo não me agrada. 
A maioria das pessoas estão mortas e não sabem, ou estão vivas com charlatanismo. 
E o amor, em vez de dar, exige. 
E quem gosta de nós quer que sejamos alguma coisa de que eles precisam. 
Mentir dá remorso. 
E não mentir é um dom que o mundo não merece...

Clarice Lispector


1 comentário:

  1. Nunca amanheço em cólera
    E se isso acontece é comigo e não com o mundo.
    O mundo... é o mundo e só tem a ver comigo se eu deixar.
    E eu desisto do mundo na medida em que vou desistindo de mim.
    E depois... mais verdade, menos verdade; mais mentira, menos mentira... são águas de um mesmo rio e há que preparar o óbolo para conseguir a travessia.

    ResponderEliminar